Rtp ‚łĪ > 1 ano atr√°s ‚łĪ Abrir

A comiss√°ria da Uni√£o Europeia (UE) para as Parcerias Internacionais, Jutta Urpilainen, anunciou hoje um conjunto de debates entre respons√°veis da Europa e de √Āfrica antes da cimeira entre a Uni√£o Europeia e a Uni√£o Africana (UA).


"Vou fazer uma s√©rie de debates com respons√°veis pol√≠ticos e sociedade civil, principalmente jovens, dos dois continentes antes da cimeira [UE-UA, em outubro], porque precisamos de saber o que a pr√≥xima gera√ß√£o pensa sobre a transi√ß√£o `verde` e digital", anunciou a respons√°vel, durante a sua interven√ß√£o no F√≥rum Euro-√Āfrica, que come√ßou hoje.

"Fomos duramente atingidos pela pandemia da covid-19, mas percebemos desde logo que ningu√©m est√° a salvo at√© todos estarmos a salvo, e por isso j√° disponibiliz√°mos 36 bili√Ķes de euros desde o in√≠cio da pandemia", salientou a comiss√°ria, notando que a situa√ß√£o atual √© uma oportunidade para mudar para melhor.

"Esta pandemia é uma oportunidade para uma mudança a sério, que garanta um futuro resiliente, justo, `verde` e sustentável", defendeu.

A Europa, concluiu, "√© o continente g√©meo de √Āfrica, √© o parceiro mais pr√≥ximo em termos de investimento, seguran√ßa e com√©rcio".

O F√≥rum Euro-√Āfrica arranca hoje com o prop√≥sito de aproximar os dois continentes e conta com um debate virtual entre o Presidente da Rep√ļblica, Marcelo Rebelo de Sousa, e o seu hom√≥logo do Gana.

O F√≥rum vai reunir personalidades dos setores p√ļblico e privado, sociedade civil, empres√°rios, ativistas e cientistas, que v√£o debater cinco desafios ao abrigo do tema "√Ä procura de pontos comuns num mundo p√≥s-covid".

Os cinco pain√©is, que incluem uma conversa entre os Presidentes de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, e do Gana, Nana Akufo-Addo, moderados pelo editor de √Āfrica do Financial Times, v√£o debater as "Perspetivas sobre as rela√ß√Ķes entre a Uni√£o Africana e a Uni√£o Europeia", a "Transi√ß√£o Justa da Matriz Energ√©tica", "Made In Africa - Neg√≥cios Emergentes e em Acelera√ß√£o", "Cultura √Āfrica a alimentar o Mundo", e "Ligando os Desligados".

O presidente do Conselho da Di√°spora Portuguesa e organizador do F√≥rum Euro-√Āfrica, Filipe de Botton, disse √† Lusa que o grande objetivo do encontro √© reaproximar dois continentes que estiveram de costas voltadas at√© h√° pouco tempo.

"Vemos dois continentes g√©meos que t√™m vivido de costas voltadas nos √ļltimos 50 anos, e o grande objetivo do F√≥rum √© conseguir uma reaproxima√ß√£o da Europa com a √Āfrica, e que Portugal seja a plataforma instrumental para a rela√ß√£o entre os dois continentes", disse Filipe de Botton, na antecipa√ß√£o do F√≥rum, que se prolonga at√© sexta-feira, numa parceria com a C√Ęmara de Cascais.

O Conselho da Di√°spora Portuguesa √© uma organiza√ß√£o privada sem fins lucrativos, com 95 membros em cinco continentes e tem por miss√£o "alavancar o poder da di√°spora, de forma a promover conversas e conex√Ķes globais sobre assuntos de cultura, impacto social, ci√™ncia, neg√≥cios e economia", segundo a organiza√ß√£o.