Diário de Notícias ⸱ 2 meses atrás ⸱ Abrir

A Direção-Geral da Saúde (DGS) incluiu a obrigatoriedade de existência de uma lista de pessoas a convocar para a vacina contra a covid-19 no caso de sobrarem doses, sublinhando que deve ser sempre respeitada a ordem das prioridades.


Ler a notícia no jornal