Sapo 24 9d atrás Abrir

O príncipe Harry e Meghan Markle ameaçam a BBC com uma ação judicial devido a uma notícia que afirmava que o casal não tinha consultado Isabel II quanto ao nome da bebé.


Lilibet “Lili” Diana Mountbatten-Windsor nasceu a 4 de junho. O segundo filho do casal nasceu saudável e com menos de três quilos e meio de peso — e nenhuma fotografia acompanhou o anúncio do nascimento.

O primeiro nome da criança, Lilibet, é uma homenagem ao apelido pelo qual é tratada a rainha Isabel II. Já o nome do meio homenageia a sua avó paterna, a já falecida princesa Diana.

De acordo com a Reuters, poucos dias após o nascimento da bebé, o príncipe Harry e Meghan envolveram-se numa zanga com a BBC, trazendo a ameaça de uma ação legal depois de ter surgido um artigo que referia que o casal não teria consultado a rainha quanto ao nome escolhido para a filha.

Todavia, Harry e Meghan disseram que a rainha foi o primeiro membro da família para quem telefonaram, a respeito do nome.  "Durante essa conversa, ele partilhou a sua esperança de dar à sua filha o nome Lilibet, em sua homenagem", disse o porta-voz do casal. "Se ela não tivesse apoiado, eles não teriam usado o nome".

Os advogados dos duques já enviaram uma carta a alguns meios de comunicação, referindo que o artigo da BBC é "falso e difamatório" e que as alegações não deveriam ser repetidas.

Meghan e Harry anunciaram que estavam à espera de uma filha na polémica entrevista com Oprah Winfrey em que a antiga atriz revelou que os membros da família real tinham demonstrado preocupação sobre quão escura podia ser a cor da pele do filho Archie quando nascesse e que teve pensamentos suicidas enquanto vivia com a família real britânica e que não recebeu qualquer apoio psicológico, apesar dos repetidos pedidos.

Harry e a atriz americana Meghan Markle casaram-se no Castelo de Windsor em maio de 2018 e o seu filho Archie nasceu um ano depois. A bebé que agora nasceu é a oitava na linhagem de sucessão ao trono britânico.