Sapo 24 āø± 1m atrĆ”s āø± Abrir

PS e PSD entregaram hoje listas conjuntas para designaĆ§Ć£o de membros para os conselhos de fiscalizaĆ§Ć£o do Sistema de InformaƧƵes da RepĆŗblica Portuguesa (SIRP), Sistema Integrado de InformaĆ§Ć£o Criminal e Conselho Superior de Defesa Nacional.


A eleiĆ§Ć£o destes trĆŖs Ć³rgĆ£os estĆ” marcada para o prĆ³ximo dia 11 na Assembleia da RepĆŗblica, serĆ” feita por voto secreto dos deputados e exige uma maioria de dois terƧos, o que, tendo em conta o atual quadro parlamentar, requer necessariamente um acordo entre socialistas e sociais-democratas.

Para preencher os dois lugares em aberto (num total de trĆŖs) no Conselho de FiscalizaĆ§Ć£o do SIRP, o PS indicou a ex-secretĆ”ria de Estado Susana Amador, enquanto o PSD insistiu na candidatura do deputado Joaquim Ponte. AbĆ­lio Morgado, que preside ao Conselho de FiscalizaĆ§Ć£o do SIRP e que foi proposto pelo PSD, apenas termina mais tarde o seu atual mandato.

JĆ” em relaĆ§Ć£o ao Conselho Superior de Defesa Nacional, onde hĆ” um lugar a preencher, o PS indicou a vice-presidente da bancada socialista, Lara Martinho.

Para as trĆŖs vagas em aberto no Conselho de FiscalizaĆ§Ć£o do Sistema Integrado de InformaĆ§Ć£o Criminal, as direƧƵes das bancadas socialista e social-democrata candidatam Isabel Oneto (PS), Luciano Gomes (PSD) e AntĆ³nio Gameiro (PS).

Em 10 de julho passado, PS e PSD nĆ£o conseguiram que os seus candidatos para os conselhos de fiscalizaĆ§Ć£o do SIRP, do Sistema Integrado de InformaĆ§Ć£o Criminal e Conselho Superior de Defesa Nacional obtivessem os dois terƧos de votos necessĆ”rios para serem eleitos.

PS e PSD entregaram tambĆ©m, hoje, uma lista conjunta para a ComissĆ£o de Acesso aos Documentos Administrativos, que Ć© constituĆ­da por Tiago de Freitas (PS) e SĆ³nia Ramos (PSD), e escolheram Maria LuĆ­sa de Freitas para o Mecanismo Nacional de MonotorizaĆ§Ć£o da ImplementaĆ§Ć£o da ConvenĆ§Ć£o sobre os Direitos das Pessoas com DeficiĆŖncias, cujas eleiƧƵes tambĆ©m se realizam no prĆ³ximo dia 11.

PS āø± PSD